Arquivo | março, 2010

SOCORRO!! Os anos 90 voltaram!

30 mar

Aqui é a mii de novo (só porque eu sou a única pessoa ociosa no site – a UnB continua em greve) postando uma novidade um tanto quanto… bizarra??

E o assunto é: O clipe novo da Rihanna, Rude Boy.
Beleza, comecei a assistir e tal, vi bastante influência da Pop Art (aliás, tô achando que isso vai virar moda daqui a pouco…), e conforme o clipe ia avançando eu percebi outra coisa… algo muito medonho, que eu pensei que NUNCA fosse acontecer: OS ANOS 90 VOLTANDO! Bom, pelo menos no clipe da Rihanna isso tá acontecendo.

Claro que a diferença dos anos 90 de verdade pros anos 90 da Rihanna é que hoje em dia a gente tem menos roupa, né? Mas o cabelo, os acessórios, e até os modelos de roupas são os mesmos. Veja com seus próprios zoio:

Anúncios

Como fazer amizade na chuva

29 mar

Olha, eu não vou dizer que nunca fui vítima da Lei de Murphy, mas é que ela quase nunca me pega, saca? Mas quando pega, também…

Hoje eu tive uma aventura e resolvi compartilhar com vocês. Criei até um título bonitinho, se chama “Amizade na 304 Norte – Uma Aventura na Chuva em Brasília”. Meio Sessão da Tarde, mas a gente releva.

Bom, o fato é que hoje eu resolvi sair! Pois é, saí e tal, tava um sol lindo, um calor insuportável, mas eu saí. Quando estava voltando, eis que o inesperado acontece: COMEÇA A CHOVER ABSURDAMENTE MUITO. Parei num mercadinho pra esperar a chuva passar e pensei “vou avisar pra minha mãe que tô aqui esperando a chuva parar”. Tá… mas cadê o celular?

É, no ÚNICO dia da minha vida que eu não saio com o celular, eu preciso dele. É incrível, a Lady Murphy é uma senhora que não tem mais o que fazer e fica atazanando a vida alheia. Beleza, não liguei, né? O único orelhão perto estava embaixo da chuva e dos relâmpagos e… bem, eu não quis arriscar.

O fato é que teve uma hora que eu fui pra debaixo de um bloco ali perto, meti o pé em um milhão de poças, devo ter pego umas 39534739 doenças junto. Quando você tiver em uma situação de emergência sem o celular, seja cara de pau: peça o celular do porteiro do bloco que você tiver parado, mesmo que você não more lá.

Além de pedir o celular do cara emprestado, eu ainda fiquei conversando com uma menina que tava esperando a chuva passar também. A gente falou sobre um monte de coisa, descobrimos que temos a mesma idade, ela estava voltando da faculdade ensopada e no final das contas eu ainda dei “carona” de guarda-chuva pra ela até a casa dela.

Moral da história: A chuva une as pessoas!
Moral da história 2: Nunca maltrate o seu porteiro porque um dia você pode precisar dele.
Moral da história 3: Nunca saia a pé em Brasília de chinelo.

E eu ainda descobri que meu short é bom pra caramba porque o dinheiro nem molhou! Q

Ghost nacional!

27 mar


Pedro José, in love forever, aqui para trazer a vocês algo que me surpreendeu deveras…

Vi pelas Internet que a Cinética Filmes está fazendo a primeira super-produção nacional, com direitos a efeitos especiais produzidos pela empresa Intelligent Creatures, que assina embaixo efeitos supimpas de filmes do balacobaco como Watchmen e Babel.
O filme se chama Nosso Lar e é baseado numa das obras do Tio Chico! Sim, senhores, o Tio Chico do momento, o senhor Chico Xavier, grande símbolo do Espiritismo.
O trailer é massa, tem uma vibe futurista, com coisas brancas e tal.
Achei interessante.
Deem uma bizoiada!

É uma coisa meio “Amor Além da Vida” com “Ghost” e “Central do Brasil”
Será que esse épico do cinema nacional trará bons comentários?
Para ver mais informações sobre Nosso Lar entrem no site e sigam o Twitter
Esperemos e veremos!
Boa noite a todos os envolvidos!
BeijosmeliguemeAmanda,vocêéapopartdeminhavida!
*Câmbio e dirligo*

A robotização da pop music – um espelho do século XXI?

25 mar


Acabei de entrar no site da Christina Aguilera e a primeira coisa que eu vi foi uma foto enorme dela editada de uma forma fascinante: metade do seu rosto era humano e metade biônico. Combinava, de fato, com o nome do novo álbum “Bi~on~ic”. Seu olhar sem expressão e a boca curvada pra baixo me lembrou um robô, realmente. Mas não só isso, me lembrou também da cena pop atual, o futurismo e a robotização da música e de seus artistas.

Nos anos 60, Pierre Cardin inovou o mundo da moda criando sua coleção “Cosmos”, composta de roupas futuristas que te faziam dar a sensação de estar num filme de ficção científica, algo meio “2001: Uma Odisséia no Espaço”, de Stanley Kubrick. Naquela época, o futurismo era só uma viagem momentânea de um artista, já que a tecnologia não era algo realmente presente no dia-a-dia das pessoas. As coisas não passavam de uma pressuposição de como seria o futuro. A música nos anos 60 era à base do rock’n’roll, a nova mistura de Blues com Country que virou sensação rapidamente com bandas como The Beatles e The Who. As gravações eram de certa forma pobres, já que não existiam equipamentos potentes pra captação de áudio e fabricação de LPs.

Luli Radfahrer, em sua palestra no Almanaque de Criação (em Brasília), disse que a Publicidade e a Propaganda pode ser dividida em 3 fases: do Neandertal até 1910, onde tudo era muito rústico; de 1910 até 2003, onde as coisas começaram a melhorar com o surgimento de novas técnicas; e hoje em dia, onde o digital domina os processos criativos das agências. De certa forma, temos três marcos na história da música atual também:
1) 1950 – Surgimento da febre Rock’n’Roll
2) Final dos anos 90 – Pop Music (Britney Spears, Christina Aguilera, Shakira, etc)
3) 2009 – Lady Gaga.

Lady Gaga? Claro, como não? Quem foi o artista que introduziu esse conceito futurista XXI na música pop? Quem foi o artista que destruiu a pop music dos rostos bonitinhos e das coreografias de boybands em uma pop music condizente com a realidade tecnológica/robótica do nosso século?
E digo mais: quem foi o artista que lançou uma tendência com isso tudo?

A moda é cíclica, todos nós sabemos disso. Quando Pierre Cardin lançou sua coleção futurista nos anos 60, acho que ele não estava fazendo mais do que visualizando um possível futuro em uma realidade diferente, uma realidade marcada ainda pelas amizades duradouras, pelas cartas e pelas conversas na rua no final da tarde. Quando Lady Gaga lançou seus clipes e outfits futuristas em 2009, acho que ela não estava fazendo mais do que mostrando a realidade do século XXI, o que estamos vivendo: a tecnologia envolvendo o ser humano, mesmo que inconscientemente. Christina Aguilera que o diga, biônica.

Qual será o próximo artista que vai seguir a linha “Future Pop” de Lady Gaga? Os críticos poderiam marcar a década de 2010 como a década do “Future Pop”, assim como 1960 foi a década do Rock’n’Roll.

Moby DE GRAÇA em Brasília!

24 mar

Não, você não leu errado! Brasília terá uma atração internacional DE GRAÇA em Abril, e não pense que será no aniversário da cidade!

Nosso carequinha Moby se apresenta no dia 17 de Abril no Museu da República (Esplanada dos Ministérios). E mais: ele vem com a banda toda!
Além disso, outros DJs estarão presentes no evento.

Informações adicionais serão postadas em breve!

Panz e PimDeeva Quarentona

21 mar

Pedro Pimpão, enlouquecido de amores por minha diva-mor, aqui para trazer a vocês mais uma postagem desse quadro que tanto esquenta esse blog sexy e 100çoal

Paaaaanz e Piiiiimdeeeeeeeeeeevas! \o/

“Uooooooooooooooou! Aeeeeeeeeeeeee!

E durante uma conversa telefonesca com a minha senhorita (que por acaso fez uma postagem interessantíssima logo abaixo da minha, fikdik, e que me deu a vontade de continuar nesse clima “I’m too sexy for my shirt” no qual se encontra no blog no qual o(a) senhor(a) se encontra) discutimos umas ideias pra essa postagem que está sendo criada nesse momento.

“Eaaaaiiiieeeennnnn?”

Ela me falou de uma ideais de fazer um Panz&PimDeeva diferente, com uma mulher de uma idade um tanto quanto adiantada, não tão brotinho quanto a Hayden Panettiere ou Natalie Portman.
A minha senhorita me deu a dica de um nome ao qual pretendo futuramente prestar a devida homenagem, mas, por enquanto, vou começar com o famoso meio-termo.
A Panz&PimDeeva de hoje é quarentona (quase cinquentona) mas tá com carinha de garotinha juvenil!
Estou falando meus senhores e minha senhoras de…

Monica Bellucci

“Você me chamou?” /seduçãodemeiaidade

Pois é, moços e moçoilas, senhora Monica Ana Maria Bellucci nasceu no auspicioso dia 30 de setembro do ano gregoriano de 1964. Ou seja, a senhora Bellucci tem (através das regras do noves fora) um total de 46 anos! Tá enxuta ou não tá? ^^

“Na verdade estou molhadinha…” [/entendacomoquiser]

Com 16 aninhos, a senhorita Monica decidiu largar a faculdade de Direito e se dedicar ao mundo Gleeeem da moda e do cinema. Em 1988 foi para Milão, onde se tornou integrante do grupo internacional da agência Elite de modelos. A partir daí a cunhã começou a meter as cara a fazer fotos pra revistas consagradas como a Elle e a GQ, em locais como Paris e Nova Iorque, meu bem!

“Meu amor, com axilas que nem as minhas, você acha que iria ficar pobre, queridön!?”

A muié decidiu então fazer um salto serelepe para o cinema. Fluente em inglês, francês e italiano, não era possível que uma mulher bonita dessa não conseguisse uma pontinha que fosse num filme. Conseguiu chamar atenção em um pequeno papel que fez em Drácula de Bram Stocker, filme dirigido pelo tio Francis Ford Copolla.

“Eu me garanto, vai!”

A partir do filme italiano Malèna, no qual ela faz a alegria da mente sacana de um (de vários) pré-adolescentes, a carreira da mulher se tornou uma embriaguês de sucesso. Participou de filmes da trilogia Matrix, gravou filmes com Bruce Willis, fez papel de Maria Madalena na Paixão de Cristo do tio Gibson. Ela também fez uma das cenas mais fodas (literalmente) do cinema de ação assassina do cinema.
Na cena do filme Mandando Bala, Monica Bellucci e Clive Owen fazem o ato responsável por nossa existência no planeta enquanto o ator inglês mata alguns carinhas que tavam afim de acabar cá vida dos dois!

“Nem foi tão mentiroso assim, gentëm!

De tanto agradar crianças (ela atuou como Cleópatra no filme Asterix e Obelix: Missão Cleópatra), jovens safadjenhos (em Malèna) e os adultos (em uma porrada de filmes sensuálicos e ensaios fotográficos nos quais muitas vezes apareceu nuazinha da Silva), Monica Bellucci é considerada atualmente a maior sex symbol da Itália, ganhando, inclusive, em 2004 o título de mulher mais sexy do mundo em votação feita pelos leitores da revista Maxim’s. Dica: ela já tinha 40 anos.

“Mas que olhos grandes vocês tem…”

Monica Bellucci é uma grande atriz e diva ao ponto de tirar fotos pra capa da revista Elle, no alto de seus 40 e poucos anos, sem um pingo de maquiagem na cara. E ainda sair lindona com cara de 100çoalidade quarentona.

/titiaenxutafeelings

Pois é, galerinha juvenil, essa é a senhora Monica Bellucci, nossa divaça de domingo.
Peitchenhoooooooo!

Buchudaaaaaaaaaaaaaaa! *________________* /lindona

Chifrudaaaaaaaaaaaa!

“Brigada pelo título gente. Vocês são um doce de jiló com mamão papaya!”

Enfim, povo do meu apreço, me despeço por hora.
BeijosmeliguemeAmanda,vocêétudonomundoqueeumaisamo!
*Câmbio e dirligo*

Deevos da Disney

20 mar

Depois da antiguissima postagem do jovem Pedro (vulgo: mi amore) sobre a versão deeva das mujeres Disney, hoje eu trago imagens para as nossas queridas panzepimbeiras.

http://www.youtube.com/v/RkUOYOc8ygA&hl=pt_BR&fs=1&color1=0x234900&color2=0x4e9e00

Você, que já foi uma garota absoluta GLEN [Edgel feelings/] admiradora das comoventes histórias das princesas da Disney e sempre sonhou com seu príncipe indo resgata-la de alguma torre alta, hoje vai se surpreender com o ensaio fotográficos dos nossos príncipes da infância.


http://www.youtube.com/watch?v=XtioIMa0xoY
videozinho para as garotas que ainda esperam seus principes (o que não é mais meu caso ^^)

Princesas e seus respectivos príncipes:

Branca de Neve – O Príncipe (The Prince) Original… ‘-‘
Cinderela – Principe Encantado (Prince Charming) Olha aí as coisas melhorando… =D
Aurora – Príncipe Felipe (Prince Phillip) Aê já temos um nome!
Ariel – Príncipe Eric (Prince Eric)
Bela – Fera/Príncipe (Beast/Prince)
Jasmin – Aladin (Aladdin/Prince Ali)
Pocahontas – John Smith
Mulan – Captain Li Shang


Obs.1
Em quase todos os filmes onde aparece a Branca de Neve, o principe é chamado apenas de “Príncipe”.
No filme Shrek é feita a paródia do Príncipe, que se chama “Encantado” (Charming, em inglês). Exceção tb foi um filme de 1916, onde o Príncipe é chamado Florimond.

Obs.2
O nome do Príncipe de A Bela e a Fera aparece escrito no vitral, no prólogo do filme. Adam é seu nome.

E finalmente, a última aquisição de princesas da Disney é a Princesa Giselle (Princess Giselle), do filme “Encantada” (Enchanted). O Príncipe Encantado (Charming) chama-se Edward.

Fonte: yahoo

Em 2007 o israelense David Kawena resolveu fazer uma espécie de ensaio sensual com os Príncipes da Disney e outros Protagonistas de animações de sucesso, desenhando a lápis e finalizando a arte no Photoshop de um jeito que parecesse realista( E põe realismo nisso ‘-‘).

Hercules (meus músculos te seduzem beibe!)
Jim Hawkins ( O planeta do tesouro)

Philip (A Bela Adormecida)

Principe Caspian (Crônicas de Narnia)

Aladin
ei esse elástico é comum no ocidente?

John Smith (Pocahontas)
(e aê gata, cê é nova pela América? /cantada)
Thomas (Pocahontas)

Kocoum (Pocahontas)
(Não tiro foto sem antes receber o cachê)

David (Lilo e Stich)
(ai que vergonha das câmeras…/ timido)

Milo Thatch (Atlantis)
Capitão Febo (O Corcunda de Notre Dame)
(É agora ou nunca meoamor)
Will Turner
(cuidado tubarão vai te pegar)

Kuzco (A nova Onda do Imperador)
(Tou viajando na tua onda, mina /P.O.Box feelings)

Peter Pan
(aiiin será que eles vão desconfiar de mim??)

Sitka (Irmão Urso)
Li Chang (Mulan)

Eric (A pequena Sereia)
(Calma garotas, tem para todas /gostosãoconvencidofacts)

Tarzan
(essa cueca tá apertada…)

Adam (A bela e a Fera)
(esse aplique tá dando coceira)

Edward (Encantada)
(“ain meoamor sou louco por espadas” /dafrutaquevocêgostaeucomoatéocaroçofacts)

Fontes:
Mulheres em TPM
R7

Pattys Chatas do Canto

e muitos outros site de blogs ‘-‘

—-

Até os vilões entraram na onda =D

capitão gancho rules uhauahauhauhaah

Bem… fim da postagem de hoje espero que tenham gostado ;DD

au revoir

[jet’aimemonpetitprincelapin]